sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Visitem Berlim!

É necessário que os alunos do português saibam o conjuntivo. É útil que façam alguns exercícios. Pois aqui temos uns exemplos:

I.
Para obteres uma impressão da diversidade, é importante que visites algumas cidades: a capital Berlim e Leipzig ou Dresden, Flensburg, Colónia, Friburgo e Munique. Se gostares de natureza, é aconselhável que conheças o Elbsandsteingebirge e uma das ilhas no Mar Báltico e a Floresta Negra.

II.
É uma boa ideia que venhas à Berlim. Aconselho que tragas agasalhos porque pode fazer muito frio nesta altura. É preferível que tenhas bastante tempo para tua viagem. Berlim oferece uma vasta gama de museus, espectáculos e monumentos. É útil que saibas umas palavras em alemão porque há ainda muitas pessoas que não falam nem inglês nem português.

III.
É sempre surpreendente que os textos dos exercícios gramaticais soem sempre um pouco estúpidos, não é?

10 comentários:

Anônimo disse...

Olá!

Estúpido ou não, o exercício convenceu-me! Estou quase de viagem marcada para Berlim... :)

Quanto às palavras em alemão só sei "Volkswagen" e umas quantas outras cuja grafia não domino e valor semântico não interessa para o caso... Acham que me safo por terras germânicas? :)

Continuem a falar pelos cotovelos...

ZZ

boralá disse...

safas-te, ZZ, porque nós fazemos-te uma visita guiada a vários desses lugares com grafias e valores semânticos desconhecidos :)

PS- Não utilizaste nenhuma forma do conjuntivo: seria interessante que o tivesses feito ;P

mb disse...

Ola ZZ!
Visitar Berlim sempre vale a pena!
Quando vais chegar aqui? E que outras palavras em alemão ja sabes. Fico curioso.
mb

Anônimo disse...

Olá mb!

A viagem está quase marcada, mas só irei em finais de Agosto / inícios de Setembro.

Quanto às palavras, não me atrevo a pronunciá-las (e muito menos a escrevê-las). Digamos que são "impróprias para consumo"...

Um abraço e continuação de boa "tagarelice"!

ZZ

Carmen Rojas disse...

E vocês, visitem este blogue extremenho, espero que gostem.

Abraço

Carmen Rojas disse...

Hoje visitei este site, formidável para estimular o uso oral da língua em estudantes, mas não há nada de português, porque não começam alguma coisa lá?

Beijinos

boralá disse...

Olá Carmen! Já acrescentei o link à nossa sessão "Onde vamos quando saimos daqui"... Não nos esqueceremos de visitar mais esse espaço virtual...

Quanto à produção de documentos orais, ainda não estamos muito para aí virados, mas é uma ideia a ter em conta...

Obrigada pelas tuas sugestões... Volta sempre...

isabel disse...

eu diria estúpidos, ridículos, artificiais e às vezes "no sense"... mas eu gosto deles na mesma e penso que são úteis para aprender...

não sei se concordam comigo...

juanlusz disse...

Olá Cotovelianos, tudo bem?
Desejo que o Ano Novo vos traga tudo aquilo que este Ano Velho vos tenha recusado. Talvez seja pedir muito.
Embora esteja muito frio por essas bandas, a energia continua a circular.
Há quem diga que o frio faz bem à saúde!
Queria que no Natal cantassem o vosso fado em coro e... chega de conjuntivo, não?
O "embora + conjuntivo" e o imperfeito de conjuntivo (em espanhol "cantara ou cantasse" são dois dos usos mais problemáticos para os alunos espanhóis: "queria que cantaras uma canção" (em pt, está errado, sendo "cantara" mais-que-perfeito simples). Enfim.
A gramática, para mim, e para o Quadro Comum Europeu de Referência para as Línguas, é uma parte fundamental da competência
linguística, e conforma, junto com as competências sócio-linguística e pragmática, a competência comunicativa.
Ora bem, no que diz respeito aos exercícios gramaticais, aí as opiniões são diferentes. Para mim, são necessários também. O que devemos tentar conseguir é que sejam aliciantes, variados, relevantes, contextualizados, integrados em funções comunicativas, e pedir aos alunos que os encarem (a alguns, porque há alunos que adoram "drills") como jogos educativos e de aprendizagem, não como uma chatice repetitiva. Enfim.
Muito obrigado pelos prémios gastronómicos. A nossa morada é:
Escuela Oficial de Idiomas de Mérida. Departamento de Portugués. Profesor Juan Luis.
Calle Mario Roso de Luna, s/n.
06800 Mérida. Spanien.
Até breve. E não esqueçam que a linda teia portuguesa deve continuar a crescer pelos quatro cantos do mundo.

Desassossegada disse...

berlim é mesmo bonito...tem sitios muito lindos e interessantes...recomendo a todas as pessoas

bjo